Residuos
Óleos Vegetais
Óleo Cozinha Usado +

Dada a diversidade das caraterísticas dos óleos de cozinha usados que vão desde a maior ou menor acidez, teor de humidade, enxofre até à quantidade de metais e outras impurezas é necessário proceder a um pré-tratamento do mesmo antes da produção de biocombustíveis ou na sua venda a unidades de HVO (Hydrotreated Vegetable Oil).

Energia
Biocombustíveis
Biodiesel +

O Biodiesel é uma energia renovável destinada à combustão, em motores a diesel, e que foi desenvolvido com o objectivo de melhorar a independência energética dos combustíveis fósseis, gerando emprego e contribuindo para uma redução das emissões de gases de efeito de estufa. É produzido através de misturas de várias matérias-primas, como Óleo de Colza, Soja, Palma, Óleos de Cozinha Usados e Gorduras Animais e mais recentemente outras matérias recicláveis como resíduos alimentares e oleínas ácidas. Actualmente é o combustível alternativo mais utilizado não havendo, até à data, outras opções com escala industrial e comercial. Relativamente à qualidade do combustível, o Biodiesel responde às maiores exigências técnicas e garantias dos fabricantes de automóveis, pode ser usado nos motores a diesel sem modificação e, em Portugal, é vendido em misturas com o gasóleo mineral (fóssil) que podem chegar a 7%, sendo que, noutros países, como os Estados Unidos, podem chegar a ter 20% de incorporação.

Ácidos gordos +

Da reacção de transesterificação (produção de Biodiesel) entre um óleo vegetal ou óleo alimentar usado e um álcool (neste caso o metanol) na presença de um catalisador, obtém-se biodiesel e glicerina bruta. No processo de purificação da glicerina ocorre a formação de ácidos gordos, que são separados por decantação, sendo posteriormente aquecidos para posterior destilação por arraste com vapor para libertação do metanol residual. São comercializados para aplicações específicas.

Glicerina Técnica em Bruto +

Da reação da transesterificação (produção de Biodiesel) entre um óleo vegetal e/ou um óleo usado ou óleo vegetal e/ou gordura animal e um álcool (neste caso o metanol) na presença de um catalisador, obtém-se biodiesel e glicerina bruta técnica, sendo esta última obtida por separação física do biodiesel, seguida de desdobramento dos sabões, recuperação do metanol e posterior secagem. A Glicerina Bruta pode ser comercializada para o sector alimentar animal (se originada única e exclusivamente da produção de Biodiesel com óleos virgens) ou para aplicações técnicas (industria, em anti congelantes, etc.) pelo que é um subproduto com valor comercial.